Professor da FCM/Santa Casa alerta sobre a importância de não disseminar fake news Enfatiza que é necessário ter muito cuidado com o que se lê, vê e ouve

Compartilhar :

Professor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, Carlos Chiattone,  nome de referência na oncohematologia brasileira, acredita que, no atual momento de pandemia, causada pela COVID-10, é necessário garantir o a disseminação de informação de qualidade.

FCMSCSP: Qual é a sua visão das medidas de isolamento que vem sendo tomadas nas principais cidades do país?
Carlos Chiattone: Sem as medidas de isolamento teremos “pico” de incidência da COVID-19 e, com isso, ultrapassaremos a capacidade de atendimento das pessoas doentes, particularmente das que necessitam de suporte ventilatório.

FCMSCSP: Qual é o principal problema neste momento?
Chiattone: O problema não é somente o caos no atendimento das pessoas. Com filas, há demora e falta de acomodações adequadas para os pacientes. Alguns pensam que, se é para ter a doença que totós tenha de uma vez, e pronto. O maior problema é que muitas pessoas que vão morrer nesta situação poderiam não morrer. É isso que precisa ser dito com todas as letras.

FCMSCSP: Como diferenciar as informações de qualidade das fake news sobre o tema?Chiattone: É necessário ter muito cuidado com o que se lê, vê e ouve. Indico um site chamado “Comprova”, que é muito útil para análises de notícias recebidas pela WEB.

48 visualizações

Compartilhar :