Normas e Regulamentos

PROSUP-CAPES (PRÓ-REITORIA)

CRITÉRIOS DE PRIORIZAÇÃO PARA A UTILIZAÇÃO DE TAXAS ESCOLARES DE PRÓ-REITORIA (PROSUP-CAPES)

A Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo dispõe de cotas de taxas escolares de pró-reitoria (PROSUP-CAPES) para o programa de Ciências da Saúde (Mestrado Acadêmico/Doutorado). Para tal, serão analisados os seguintes critérios, de acordo com o estabelecido na Portaria G.D. Nº 024/2022

 

Art. 1º – A alocação da concessão dos benefícios será:  

Programa: Ciências da Saúde

Tipo de benefício: Taxas escolares de Mestrado (Pró-reitoria) = 5

Tipo de benefício: Taxas escolares de Doutorado (Pró-reitoria) = 5

Art. 2º – Os temas estratégicos para utilização dos benefícios serão:

  1. EPIDEMIOLOGIA, PREVENÇÃO, DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DE DOENÇAS NEUROLÓGICAS E TRANSTORNOS MENTAIS.

Descrição: Essa linha de pesquisa busca esclarecer os mecanismos das doenças neurológicas e transtornos mentais através de estudos de ciência básica, translacionais, clínicos e cirúrgicos. Nos estudos de cadeira básica são realizados experimentos com modelos animais e com cultura de tecidos de origem humana ou animal visando esclarecer mecanismos moleculares das doenças e o estudo de novos alvos terapêuticos. Os estudos clínicos e cirúrgicos abordam a epidemiologia, a prevenção, o diagnóstico e o tratamento das doenças e transtornos do sistema nervoso central.

  1. ETIOLOGIA, DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DAS DOENÇAS DO SISTEMA MÚSCULO-ESQUELÉTICO.

Descrição: Abrange temáticas relacionadas à etiologia, diagnóstico e tratamento das doenças agudas e crônicas do sistema neuro-musculo-esquelético. Aborda estudos referentes à promoção, diagnóstico e tratamento do grupo, eixo das situações mencionadas. Esta linha aborda projetos de pesquisa com discussão de aspectos intervencionistas, preventivos, epidemiológicos e de tratamento, através de fenômenos neuro-ortopédicos sistêmicos e seus resultados funcionais assim como a abordagem do movimento. A linha de pesquisa aproxima os eixos temáticos que originam estudos e projetos de pesquisa, através da experiência dos orientadores. A abordagem transdisciplinar direcionada para a elaboração de conteúdo em ortopedia, com enfoque na etiologia, no diagnóstico e nos tratamentos, desde aspectos microscópicos até os macroscópicos, facilitando ao ingressante a aplicação de estratégias para desenvolver a docência e a pesquisa de forma interdisciplinar esta área.

  1. MECANISMO MOLECULARES, EPIDEMIOLOGIA, PREVENÇÃO, DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DAS DOENÇAS TRANSMISSÍVEIS E INFECCIOSAS.

Descrição: Essa linha de pesquisa aborda estudos epidemiológicos e clínicos com ênfase nos aspectos preventivos, patofisiológicos, terapêuticos e epidemiológicos relacionados as doenças transmissíveis e infecciosas. Os estudos clínicos vão incluir desde levantamento de dados com importância epidemiológica, caracterização clínica mais adequada e propostas de intervenção terapêutica. Do ponto de vista molecular, os estudos poderão abordar padronização de testes moleculares, utilização de testes moleculares já estabelecidos tanto para estudo etiopatogênico como para diagnóstico da doença.

  1. MECANISMO MOLECULARES, EPIDEMIOLOGIA, PREVENÇÃO, DIAGNÓSTICO E TRATAMENTO DAS DOENÇAS SISTÊMICAS.

Descrição: Essa linha de pesquisa aborda estudos pré-clínicos, translacionais e clínicos com ênfase nos aspectos patofisiológicos, farmacológicos, terapêuticos e epidemiológicos relacionados a doenças sistêmicas. Os estudos pré-clínicos empregarão protocolos experimentais in vivo, ex vivo e in vitro com a possível utilização de animais de experimentação, células humanas e não humanas para abordagem de aspectos funcionais, celulares e moleculares envolvidos nos processos biológicos. Os estudos clínicos vão incluir desde levantamento de dados com importância epidemiológica, caracterização clínica mais adequada e propostas de intervenção terapêutica. Do ponto de vista molecular, os estudos poderão abordar padronização de testes moleculares, utilização de testes moleculares já estabelecidos tanto para estudo etiopatogênico como para diagnóstico da doença. Os conhecimentos obtidos na pesquisa básica darão sustentação à pesquisa translacional a qual faz a ponte entre a pesquisa pré-clínica e clínica. Tais pesquisas objetivam a aplicabilidade do conhecimento na área médica.

  1. MECANISMOS MOLECULARES E DESENVOLVIMENTO DE DIAGNÓSTICOS E TRATAMENTOS DAS DOENÇAS NEOPLÁSICAS.

Descrição: Nesta linha de pesquisa o objetivo é caracterizar molecularmente os tumores, ao longo de sua evolução, buscando perfis de expressão típicos de lesões benignas, pré-malignas e malignas, de modo a encontrar marcadores de prognóstico, diagnóstico e alvos para terapia, bem como caracterizar o perfil epidemiológico da nossa população de pacientes.

  1. QUALIDADE DE VIDA E PROMOÇÃO DA SAÚDE.

Descrição: Esta linha de pesquisa visa detectar sinais de esgotamento físico-psíquico-emocional dos estudantes e profissionais da Saúde e propor ações de humanização que revertam ou evitem esse esgotamento. Os estudantes e profissionais da área de saúde estão submetidos a escalas ou horários intensos de atividade que demandam muita atenção. Mesmo preparados e qualificados tecnicamente, a diminuição da qualidade de vida destes grupos pode influenciar negativamente a qualidade do serviço prestada aos usuários do sistema público de saúde.

Art. 3º – Os critérios de seleção de bolsistas:

  1. A qualidade do projeto de pesquisa;
  2. A produtividade do professor orientador.

Art. 4º – A atribuição dos benefícios será realizada de forma equitativa aos professores orientadores.

Art. 5º – A Comissão de Pós-Graduação (CPG) será responsável pela análise e deliberação dos pedidos, encaminhados pela Central de Bolsas da Faculdade.

 

Comissão de Pós-Graduação (CPG)

Confira abaixo os professores designados para a composição da Comissão de Pós-Graduação:

Prof. Dr. Adhemar Monteiro Pacheco JuniorCoordenador de Pós-graduação Stricto Sensu
Prof. Dr. Carlos Alberto LonguiVice-Coordenador de Pós-graduação Stricto Sensu
Prof. Dr. Fernando de Andrade Quintanilha RibeiroCoordenador do Programa de Pesquisa em Cirurgia
Prof. Dr. Marco Aurélio Palazzi SáfadiCoordenador do Programa de Ciências da Saúde
Profa. Dra. Kátia de AlmeidaCoordenadora do Programa de Saúde da Comunicação Humana – Mestrado Profissional
Profa. Dra. Maria Amélia de Sousa Mascena VerasCoordenadora do Programa de Saúde Coletiva – Acadêmico
Prof. Dr. Paulo Artur MalvasiCoordenador do Programa de Saúde Coletiva – Mestrado Profissional
Sr. Daniel Dutra de BarrosRepresentante Docente do Programa de Saúde Coletiva – Acadêmico

Normas e regulamentos

Normas e Regulamentos – Pós-graduação

Pós-Graduação Lato Sensu (Especialização)

Normas para Dissertações e Teses

Normas para o Programa de Pós-Doutorado

Calendário acadêmico

Calendário Acadêmico 2022