Professora da FCM/Santa Casa participa de mesa-redonda sobre Saúde no evento “Mulheres em uma Cidade Sustentável” Evento ocorreu dia 2 de dezembro de 2019, no Auditório Institucional da OAB

Compartilhar :

Professora da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, Maria Fernanda Terra (à esq. na foto) foi uma das expositoras na mesa-redonda sobre Saúde no evento “Mulheres em uma Cidade Sustentável”, promovido pela Coordenadoria Estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Poder Judiciário do Estado de São Paulo e pela Ordem dos Advogados do Brasil – São Paulo (OAB – SP).

O evento ocorreu dia 2 de dezembro de 2019, no Auditório Institucional da OAB, Rua Maria Paula, nº 35 – Centro.

A professora Maria Fernanda destacou questões envolvendo a cidadania, o fortalecimento dos direitos das mulheres, a lógica do financiamento da saúde pública no Brasil e a política de acesso à informação na área. “É preciso seguir os princípios de equidade (dar mais para quem precisa mais), universalidade (atender não apenas quem tem carteira assinada) e integralidade (propiciar acesso aos níveis primário, secundário e terciário da saúde”, disse.

Maria Fernanda apontou ainda que a participação popular na saúde se manifesta tanto no espaço público como no individual. Também enfocou a saúde da população indígena, que envolve 305 povos e 274 línguas. “Os índios não se enquadram na municipalização da saúde devido à alegação de que, na própria cidade, conflitos de interesse poderiam impedir uma democratização de fato dos serviços de atendimento”, comentou.

Outro tópico enfocado foi o da violência contra as mulheres. “É essencial compreender melhor os espaços de adoecimento e de saúde. Nesse sentido, torna-se importante não naturalizar ou banalizar a violência, além de estimular o trabalho em rede e os serviços de assistência que estimulem  o diálogo e a escuta”, afirmou.

Sobre MARIA FERNANDA TERRA
Doutora em Ciências pela Faculdade de Medicina da USP da Universidade de São Paulo – linha de pesquisa “Gênero e Saúde”, bolsista CAPES. Mestre em Ciências pela Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo (2007) – linha de pesquisa Adesão, necessidades e vulnerabilidade em Saúde Coletiva. Especialização em prevenção ao HIV/Aids no quadro da vulnerabilidade e dos direitos humanos pela Faculdade de Medicina da USP (2012). Especialização em Enfermagem em Saúde Pública na Faculdade de Saúde Pública da USP (2003). Tem experiência na área de Saúde Coletiva, Estratégia Saúde da Família, Coordenação do Programa de Saúde da Mulher na APS. Atualmente é professora de Saúde Coletiva na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP)

Informações
Telefones: (11) 3104-5521 e  (11) 2171-4807
e-mail: comesp@tjsp.jus.br

104 visualizações

Compartilhar :