FCM/Santa Casa produz protetores faciais Ação é resultado de trabalho interdisciplinar da Faculdade

Compartilhar :

A pandemia causada pelo novo coronavírus e as ações imediatas necessárias à assistência dos pacientes, associada à escassez dos Equipamentos de Proteção Individual disponíveis aos colaboradores que atuam na linha de frente para atendimento aos pacientes, evidenciou o trabalho interdisciplinar proposto pelo Comitê Interno COVID-19 da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP).

A divulgação de Equipamento de Proteção Individual (EPIs), produzidos por impressão 3D, incentivou os docentes dos Cursos Superiores de Tecnologia e a Diretoria do Curso de Medicina a propor ações interdisciplinares e de integração dos cursos da FCMSCSP que uniram esforços para produção de materiais capazes de auxiliar nesse combate à disseminação do vírus.

A prática colaborativa fortalece a Faculdade nos processos de auxílio à assistência e está  embasada na regulamentação da Anvisa RDC nº 356/2020, que permite, neste período emergencial e de forma excepcional e temporária, que instituições fabriquem dispositivos identificados como prioritários para uso em serviços de saúde.

No laboratório de eletrônica e impressão 3D dos Cursos Superiores de Tecnologia da FCMSCSP, com a utilização de impressoras próprias, docentes daFCMSCSP se reuniram para idealização e prática dos projetos. Utilizando inicialmente fontes de códigos abertos, produziram modelos de protetores faciais que foram fornecidos ao ambulatório de COVID no Hospital Central da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo.

Acesse fotos aqui.

Além disso, colocaram em prática as ideias compartilhadas pelos diversos grupos da Faculdade e Hospital para confecção de acessório capaz de auxiliar na proteção do espalhamento de aerossóis durante o processo de intubação orotraqueal.

Atualmente, além de produzir e reformular protetores faciais, o grupo de docentes mobilizado nestas ações pesquisa e produz protótipos de laringoscópios, clipes para cânulas de intubação e pesquisa formas de auxiliar com ventiladores mecânicos e outros equipamentos que possam contribuir para a segurança dos profissionais de saúde que estão na linha de frente no combate à pandemia.

Equipe Responsável pelo Projeto

Curso de Tecnologia
Prof. Felipe Favaro Capeleti
Prof. Henrique Viccari Cabete
Prof. Rafael Eidi Goto
Prof. Rodrigo da Silva de Oliveira
Prof. Sérgio Taques Bittencourt

Curso de Medicina
Prof. Adriano Namo Cury
Prof. Giselle Burlamaqui Klautau

Também participou do desenvolvimento do EPI, Eric Ryu Nakagawa, engenheiro colaborador, que projetou um novo modelo e disponibilizou as instruções para que todas as pessoas que possuam impressora 3D também possam produzir os protetores faciais.

Gabarito

Faceshield montagem

Imagem

 


 

 

 

737 visualizações

Compartilhar :